Dicas Livros

#Acredite – Resenha

I Have A Dream

Eu tenho um sonho

I have a dream

Eu tenho um sonho

A song to sing

Uma canção para cantar

To help me cope

Que me ajuda a superar

With anything

Qualquer coisa

If you see the Wonder

Se você vê as maravilhas

Of a fairy tale

De um conto de fadas

You can take the future

Você pode agarrar o futuro

Even if you fail

Mesmo se você falhar

I believe in angels

Eu acredito em anjos

Something good in

Algo bom em

Everything I see

Tudo o que vejo

I believe in angels

Eu acredito em anjos

When I know the time

Quando eu sei que a hora

Is right for me

é a certa para mim

I’ll cross the stream

Eu vou cruzar a corrente

I have a dream

Eu tenho um sonho

É assim ao som de ABBA que começa a história de amor de Pamela e Raul que vivem num mundo mágico, mas que foi divido. Pamela é uma Braite e Raul é um Laluli, ambos cresceram e foram ensinados que Braites e Lalulis são diferentes e que não podem se unir. Ao se apaixonarem eles descobrem que tudo é possível e passam a lutar contra tudo e contra todos e mostram para o povo que o amor é a magia mais poderosa que existe e que é possível haver união entre as pessoas e ter paz e harmonia novamente.

# Acredite - Resenha
Capa do livro

Gostei muito da história que apesar de ser uma ficção fantasia traz uma importante lição para nós sobre o amor; principalmente nos dias de hoje onde pessoas estão dividas por questões políticas. Super recomendo!

# Acredite - Resenha
Autógrafo da autora
#Acredite - Resenha
Ilustrado por Ricardo Chagas

“Podia ser impressão minha, nas eu achava que aquele cara me curtia também. Ele me dava umas olhadas que demoravam. Sim, não era uma olhada qualquer. Ele era a fim de mim. Tinha que ser.”

#Acredite - Resenha
Ilustrado por Ricardo Chagas

“O amor, eu sempre aprendi, é a força mais poderosa que existe, eu percebia quando praticava magia, por isso não é possível que eu não consiga com esse sentimento forte que sinto fazer alguma coisa para vencer os obstáculos. Era muito cedo, eu sabia. Mas a linguagem do coração não me deixava duvidar que aquele Laluli era para mim. É alguma coisa que o coração sabe. Aquele beijo tinha sido muito mais que um beijo. Eu podia sentir que existia alguma coisa forte entre a gente.”

#Acredite

Autora: Eliane Quintella

Gênero: literatura brasileira\ romance infanto-juvenil

Paginas: 142

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *